Dia dos Namorados em Casa: O Planejamento da Noite Perfeita

Dia dos Namorados em Casa

Como prometi ontem, hoje vou dar algumas dicas sobre detalhes importantes para quem vai comemorar o dia dos namorados em casa. Eu preciso confessar a vocês: para mim dia dos namorados deve sempre ser comemorado em casa. É que talvez eu esteja ficando muito velha, ou desanimada, não sei. O que ocorre é que tenho estado cada vez menos propensa a querer lidar com filas de espera e lugares muito cheios. Essa é uma data que realmente levo ao pé da letra aquela frase do Mágico de Oz: “Não há lugar como a nossa casa”.

Dia dos namorados em casa

Para se comemorar o dia dos namorados em casa só precisamos mesmo de amor e simplicidade.

Além disso, vamos combinar: fazer surpresa é sempre muito bom. Lembro-me de um dia, não tinha nenhuma comemoração específica, era somente mais um dia da semana. Essa era a noite em que eu vou às minhas aulas de espanhol. Meu marido costuma me buscar no curso quando ele sai do trabalho. Mas esse dia ele disse que tinha chegado mais cedo em casa, e que estava cansado. A caminhada até minha casa não era longa, então eu voltei sozinha. Quando cheguei, a surpresa: uma mesa posta, tábua de queijos, um vinho delicioso, e meu marido rindo de mim. Gostou da surpresa? Ele me perguntou. E depois de olhar toda a produção que ele fez, não tive como resistir. Fato é que qualquer tipo de surpresa é gostoso. Ser surpreendido e surpreender faz muito bem para o romance.

Dia dos namorados em casa e seus clichês

Eu poderia ficar aqui tentando fazer uma receita de bolo. Poderia falar para vocês espalharem pétalas de rosas pela casa, acender velas e incensos. Enfim: eu poderia aconselhá-los a usar todos os clichês de romance que conheço. Mas não vou fazer isso. Não que eles não sejam bons ou não funcionem, muito pelo contrário! Eu sempre digo que para surpreender uma mulher, bastam rosas vermelhas. Por mais que a moça goste de outras flores, e que existam outras mais sofisticadas do que as rosas, não tem jeito: o significado clichê das rosas vermelhas é imbatível.

dia dos namorados em casa

No entanto, apesar dos clichês funcionarem em muitos casos, a verdade é que a fórmula certa para se agradar a pessoa que se ama não existe exatamente. Cada um é um e certamente há no mundo pessoas que acham piegas espalhar rosas pela casa. Por outro lado, não duvidem: existem pessoas que acham lindo se fantasiar de coelhinho na páscoa para acordar o parceiro com um presente. Sim, amigos, juro que já vi disso na vida! E não, não foi o meu marido e nem eu quem fez isso na vida!

Terceirizando o jantar em casa

Então, vamos deixar de lero-lero e vamos direto ao assunto. A emoção do momento é o que vale, e para que ele seja de fato emocionante, acreditem: a simplicidade é uma arma poderosa. É importante fazer um bom planejamento daquilo que se pretende. Se é um jantar surpresa à luz de velas, planeje-se! A primeira coisa a se considerar é o quão grande é o seu talento na cozinha. Sejamos práticos: se você nem sabe como acender o fogão, não adianta querer de uma hora pra outra fazer uma receita francesa de alto grau de dificuldade.

dia dos namorados em casa

Sim, muitos dirão que o que vale é a intenção, mas aposto que ninguém tem a intenção de servir uma comida intragável no dia dos namorados? Então, se você não tem lá muito traquejo com a cozinha, você tem duas opções para oferecer um bom jantar surpresa. A primeira delas é procurar alguém que cozinhe por você. Hoje, muitas padarias gourmet e supermercados diferenciados oferecem esse tipo de serviço. Você encomenda o jantar, paga, busca ou manda entregar. Chegando em casa é só preparar a apresentação, colocar uma mesa bem linda, servir um bom vinho, e pronto! Você pode procurar também chefs em domicílio. Aposto que você encontrará algo do tamanho do seu bolso!

Cozinhando em casa

A segunda opção que você tem neste caso é treinar antecipadamente uma receita bacana e simples. Muitos dizem que a cozinha é bicho de sete cabeças (o meu marido costumava achar isso), mas na verdade cozinhar é uma arte de precisão e amor. Se você seguir a receita à risca não tem muito como dar errado. O segredo é só escolher algo bem simples. Sendo assim, se você decidiu que quer cozinhar para o namorado ou namorada, escolha a receita.

No dia dos namorados, só cozinhe em casa se você souber bem o que está fazendo!

No início da semana, treine o preparo, se você perceber que vai dar tudo errado, há sempre tempo pra encomendar algo ou ainda fazer uma boa reserva em um restaurante. Leia atentamente a receita e faça uma lista com todos os ingredientes que você vai precisar. Munido da lista, vá ao supermercado. Se você não souber como escolher um peixe, ou uma fruta, ou legume, não se acanhe, peça ajuda. Os supermercados sempre têm profissionais responsáveis pelos setores que estão ali justamente para isso.

Dicas para cozinheiros de primeira viagem

Já em casa, com todos os ingredientes em mãos, pegue a receita, e comece a encarar o desafio. Em primeiro lugar, para que o preparo da receita seja bem sucedido, é preciso organização. Separe todos os utensílios necessários para a sua execução: facas, colheres, panelas, tabuleiros… depois, pique os legumes que precisarem ser picados, lave as folhas e frutas que precisarem ser lavadas.

Deixar o Mise en place preparado antes é muito importante para o andamento da receita. Acreditem, isso facilita muito o processo. Prestem bem atenção quando a receita diz para usar fogo médio, baixo ou alto. Você não vai querer cozinhar demais ou de menos o que estiver preparando. Isso se aplica também à temperatura de forno. Cuidado também com o sal e a pimenta. Sempre experimente tudo o que você estiver cozinhando, use o bom senso e na dúvida é melhor deixar com menos sal e pimenta do que o contrário.

A comida é sexy

Uma boa comida é um elemento extremamente sexy, e sendo assim, a gente come com todos os nossos sentidos. Um jantar romântico deve unir todos eles em uma explosão de prazer. Portanto, cuidado com a apresentação do prato, com a colocação da mesa. Você não precisa exagerar na dose. Em geral menos acaba sendo mais. Uma toalha bonita, pratos e talheres bem arrumados, pequenas velinhas acesas na mesa (sem cheiro hem… você não quer que as velas sejam mais cheirosas do que a sua comida!) taças bonitas, uma rosa solitária em um pequeno vaso e uma bela garrafa de vinho são elementos ideais para fazerem o seu jantar surpresa ser inesquecível.

Dia dos namorados em casa merece luz de velas!

No mais, não se esqueça do presente do namorado ou namorada, e obviamente, curtam a noite, sem hora pra acabar. Se alguém quiser dica de alguma receitinha fácil, rápida e deliciosa é só passear pela seção Cozinhando a Dois aqui do Blog!. Amanhã estou de volta com mais dicas!

Até a próxima!

About Nicole Delucca Linhares

Uma jornalista obcecada pelo lado bom da vida que está sempre em busca de experiências românticas para dividir com o mundo. Apaixonada por comidinhas, pores-do-sol, plantas, livros, cinema, viagens e teatro. É também professora de italiano, cozinheira para todas as horas, filosofa de boteco e, por fim, uma mistura doida de Minas, Itália e Piauí!

1 comment on “Dia dos Namorados em Casa: O Planejamento da Noite Perfeita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *