O dia em que um supermercado foi um lugar romântico para mim

Já há algum tempo venho querendo fazer esse post. Esses dias eu estava falando a uma conhecida para quem escrevi um e-mail que às vezes me pergunto como é que uma mulher tão tosquinha como eu escreve sobre Lugares Românticos. Pois é. Não é que eu não seja uma mulher romântica. É que sou uma mulher objetiva. Não sou muito de firulas e geralmente quando estou com alguém busco viver o momento, sem me preocupar demais com as luzes de velas e pétalas de rosa espalhadas por ai.

Encontros, desencontros e busca por Lugares Românticos

 

Lugares Românticos Tinderella

Quem me conhece, sabe da minha solteirice, mas pouco falo das minhas tentativas de sair dela. Desde meu divórcio venho quebrando a cara por ai com o sexo oposto. Vocês acham que mulheres são complicadas? Experimentem se relacionar com homens acima dos 37 anos, recém-divorciados, traumatizados e sofridos! Nós meninas nos tornamos seres absolutamente bem resolvidos quando comparadas a esses pobrezinhos. Confesso até que às vezes penso em desistir dessas incursões para deixar espaço na minha vida a coisas que venham a me dar menos dores de cabeça! Mas depois me lembro do tanto que é divertido conhecer gente nova e à primeira chance de um novo encontro, logo me coloco a pensar sobre os melhores lugares românticos para se ir a dois, mesmo que seja só por uma noite.

Pois bem, ai vocês me perguntam: Mas Nicole? Um supermercado? E então eu respondo: e daí? (muitos e muitos risos). O negócio foi o seguinte: conheci certa feita, em novembro do ano passado, no famigerado Tinder, um sujeito quarentão que se dizia recém-divorciado. A se considerar o fato de que a foto dele sumiu do meu whatsapp há de se pensar que ou ele tenha voltado com a ex ou ele seria, talvez, mais um dos tantos casados por ai que fazem gracinha no Tinder. Seja como for, não me importa. Nada de mais aconteceu aquele dia, afora, é claro, uma noite divertidíssima, regada a vinho, pizza e um papo delicioso!

Do aplicativo de encontros ao supermercado

Mas e ai? Como foi a coisa? Então: em meu perfil do aplicativo tinha escrito que sou uma amante de vinhos. Isso é verdade. Vou além, eu sou uma garota que gosta de emoções fortes quando o assunto é bebida. Minhas cervejas favoritas são amargas. Bebo doses puras de tequilas (as boas), vodcas (as boas). Tenho um gosto todo especial por whiskies, que adoro degustar (os bons) cowboy.

Então vocês devem imaginar que meus vinhos preferidos são sempre aqueles bem cheios de personalidade. Tannats estão entre os favoritos. Mas aprecio muito um Sangiovese, um bom Syrah, ou ainda um Nebbiolo ou um Primitivo. De todas as uvas talvez a que eu menos goste seja aquela que no geral é a preferida das mulheres: Merlot. Sem falar que estranhamente aos olhos de muitos, sou uma mulher avessa a Champagne e espumantes. Ok, podem dizer que os Lugares Românticos ficam mais lindos com uma champagne no gelo. Ficam mesmo, não é que eu não beba. É só que se eu tiver que escolher entre uma Champagne e um bom tinto eu não penso duas vezes.


Essa foto de Pizzaria Verdemar é cortesia do TripAdvisor

 

Bom, então lá no perfil dizia que eu gosto muito de vinhos. Aparentemente isso chamou a atenção do quarentão, que me parecida bem apessoado e interessante. Ao menos culto ele tendia a ser porque trabalha com comércio exterior. Ele passa boa parte do ano viajando mundo afora, não é possível que uma pessoa que viaje tanto não tenha um bom repertório de assuntos, não é verdade?

Santiago de Compostela… será?

Lugares Românticos Santiago de Compostela

Logo de cara, em uma das fotos dele de perfil reconheci a trilha de Santiago de Compostela. Pensei comigo: pessoas interessantes e perdidas empreendem esse tipo de jornada. Geralmente quando se quer um momento para repensar a vida se toma a insana decisão de percorrer os famigerados 800km do caminho francês, que é o mais famoso. Confesso que naquele momento me coloquei a pensar se Santiago de Compostela seria mérito ou demérito para o rapaz. Eu confesso ainda que até pensei em empreender essa jornada logo que estava divorciando (aquela história do momento para repensar a vida).

Depois, me lembrei de que 800km seria mais ou menos como se eu decidisse seguir à pé daqui de Belo Horizonte até Curitiba. Só que no caso de Santiago, eu teria que vivenciar momentos de caminhadas acima do nível do mar. Passaria frio, ficaria cheia de bolhas nos pés, chegaria num estado de exaustão extrema e, obviamente, colocaria meu sedentário corpo em um nível de stress ao qual ele não estaria habituado. Pensei comigo: não vou caçar indaca, mesmo porque fazer esses 800km com uma mochila pesando 30kg nas costas não seria algo que me ajudaria a repensar minha vida. Pelo contrario: faria com que eu ficasse com muita raiva da minha existência no momento em que eu me questionasse os motivos que me levaram a fazer aquilo (muitos risos)

O velho truque do “estou montando minha adega”

Lugares Românticos Tinder

Apesar de não ter chegado à conclusão sobre mérito ou demérito no caminho de Santiago, o rapaz ainda parecia promissor. Ai sempre vem aquela coisa, não é? Vamos nos encontrar? Onde vamos? Vamos tomar algo? Vamos ao cinema? Vamos a um museu (ok, pode não ser comum para muitos, mas eu convido os caras para irem a museus comigo. Vou escrever outro post para explicar melhor essa história!)

Pois bem: o camarada me surpreendeu! Virou para mim e disse assim: “Olha, eu estou acostumado a tomar cervejas, mas estou querendo muito conhecer um pouco mais sobre vinhos. Você poderia me ajudar a comprar alguns para eu começar a minha adega?” Gente, vocês não imaginam a cara que fiz do outro lado lendo aquilo! Eu ali quebrando a minha cabeça com lugares românticos mais amenos para convidar o cara, e ele me diz que quer comprar vinho!

Em meio a muitas risadas comigo mesma, eis que digitei de volta: “ok, saio do trabalho às 18h. Hoje é segunda-feira, vamos ao Verdemar que te ajudo a comprar alguns bons vinhos para a sua adega e a gente aproveita para comer uma pizza e a tomar um vinho por lá, o que acha?” Quando o “ok” veio do outro lado olhei incrédula para mim e me disse: “ok, Nicole, você está prestes a ter um primeiro encontro em um supermercado, isso definitivamente precisa virar um post no Lugares Românticos”.

O Verdemar

Antes de continuar o relato cabe dizer que o Verdemar não é um supermercado qualquer. Ele é um supermercado gourmet onde a gente sempre encontra coisas deliciosas, pães extremamente bem feitos, ingredientes importados e especiais para comidinhas especiais que a gente faz em casa. Então é assim: o Verdemar pode até não ser em um primeiro momento o lugar onde se pensaria em ter um primeiro encontro romântico, mas tenho a certeza de que muitos dos jantares românticos que acontecem em Belo Horizonte, sejam eles em casa ou em restaurantes, de alguma forma passam pelo Verdemar porque lá é point de chefs de cozinha profissionais e amadores. Portanto, apesar de parecer incomum, acho super fofo dizer que o Verdemar entrou no hall dos Lugares Românticos com essa história deliciosa que estou contando a vocês.

Bancando a Sommelier que não sou

Dito isso, e voltando ao que interessa, saí do trabalho rumo ao Verdemar da Nossa Senhora do Carmo. No caminho pensei: Que papinho mole o desse cara! E eu aqui, descendo a Nossa Senhora do Carmo para dar uma de sommelier (coisa que de longe não sou apesar de beber muito vinho) pra esse cara que está querendo meu corpo nu! Tomara que ele seja ao menos divertido para valer a viagem!

Com um baita sorriso no rosto, pensando comigo que eu não tinha nada mais interessante para fazer naquela segunda a noite, estacionei o carro no Verdemar e fui para a pizzaria. Tropeços de primeiro encontro: Não marcamos o lugar exato do encontro. Mandei um whatsapp e nada. Andei de um lado, do outro, até que a resposta chegou. Ele já estava lá na seção de vinhos me esperando (po. Quando cheguei, ele estava conversando com o funcionário do supermercado que fica dando dicas por ali. Comecei a rir internamente: é Nicole, dentre os Lugares Românticos onde você já esteve realmente a seção de vinhos do Verdemar não contava na lista!

E já que o encontro não era óbvio, o vinho também não seria…

Logo o reconheci e me apresentei. Não sei se eu era exatamente o que ele imaginava. Eu sempre causo estranhamento ao vivo porque os caras acham que sou mais alta do que de fato sou. Talvez porque eu seja mandona demais! Mas pelo sorriso no rosto dele eu não devia ser algo assim tão desagradável. Enfim: perguntei a ele quanto ele queria gastar e quantas garrafas de vinho ele gostaria de comprar. Fomos passeando juntos pelas prateleiras.

Foto Divulgação

Fui contando a ele particularidades que eu conhecia a respeito das características típicas de alguns dos vinhos que eu gostava. Falamos de portugueses, italianos, espanhóis, franceses, argentinos, chilenos… Prossegui com uruguaios, norte-americanos, sul africanos, australianos, brasileiros e por fim gregos. Aliás, naquele dia tinha um grego na promoção chamado Rapsani da vinícola Tsantali. Adoro esse vinho, ele costuma ter uma relação de custo/benefício muito boa. Com certeza incluí na lista dele, e foi inclusive o vinho que tomamos mais tarde, acompanhando uma pizza deliciosa. Para um encontro em um dos lugares românticos menos usuais, natural que instintivamente o vinho não fosse do eixo produtor de vinhos usual. Vinhos gregos são de extrema qualidade, mas não muito conhecidos por ai.

Pizza, vinho e risadas: receita de sucesso para uma segundona 


Essa foto de Pizzaria Verdemar é cortesia do TripAdvisor

Estávamos nos divertindo! Confesso honestamente que fiquei absolutamente surpresa com o delicioso ar descompromissado daquele encontro. Falamos sobre os vinhos, cervejas, charutos, falamos sobre a vida, sobre viagens, sobre a minha coleção de imãs de geladeira. Falamos sobre trabalho, sobre política… Nossa! Era assunto que não acabava mais! Ele era tímido. Eu falava pelos cotovelos.

Consegui arrancar várias risadas espontâneas dele naquela noite, o Rapsani que tomamos acompanhando aquela pizza de pancetta estava absolutamente perfeito para amansar o paladar dele que não estava ainda habituado a vinhos e era leve o suficiente para o descompromisso daquela noite de segunda-feira. Não dava para exagerar, terça-feira de manhã a vida seguiria novamente… com ou sem ressaca.

Essa foto de Pizzaria e Grill Verde Mar é cortesia do TripAdvisor

Já eram quase 22h e o Verdemar fecharia. O nosso primeiro encontro, que sabíamos que talvez seria também o último, estava chegando ao fim. Apesar de não termos querido esticar aquela noite, sabíamos que cada um tinha dado ao outro exatamente aquilo que se precisava: um pouco de carinho, conversa, risadas e atenção. Hoje, pensando bem, desconfio mesmo que ele seja casado. Pagou pelos vinhos em dinheiro vivo, apesar de ter se encantado por mim, não teve coragem de experimentar qualquer investida.

Santiago de Compostela realmente veio para ele num momento em que ele queria repensar a vida, mas pelo seu relato, percebi que ele se sentiu exatamente como eu teria me sentido se tivesse entrado de cabeça naquela empreitada: ele ficou exausto, cheio de bolhas nos pés e de certa forma deu a entender que havia em vários momentos se arrependido de ter decidido andar tanto. É que não adianta muito a gente andar sem saber para onde se quer ir, não é verdade?

Primeiros últimos encontros: refrescos para o coração!

Lugares Românticos Tinder

Ele estava cansado da rotina, assim como eu. Ele queria uma luz diferente na semana dele, assim como eu. Provavelmente estava brigado de verdade com a mulher. Mas somente uma pessoa muito ingênua acredita que relacionamentos de longo prazo venham imunes a crises e desentendimentos. Às vezes não é de sexo que as pessoas precisam, mas sim de um momento diferente. Sei lá, uma risada diferente, ouvir a rotina do outro que é diferente. Lugares Românticos diferentes. São pequenos momentos de epifania. É a lembrança do comichão que move a vida. Depois, ah, depois a gente volta cheio de forças para a rotina de sempre, e pasmem: felizes por termos aquilo.

No dia seguinte ele estava indo para a Europa a trabalho. Ele havia me prometido imãs de geladeira para a minha coleção. Mas depois daquele encontro, não conseguimos mais agendar nada. A rotina dele é maluca, a minha também. Se é verdade que ele comprou os imãs para mim, como disse que faria, faço votos de que eles hoje sejam para ele uma lembrança das risadas deliciosas que demos naquela noite de segunda-feira comendo pizza de pancetta e tomando vinho grego em um supermercado.

Então…um supermercado no Hall dos Lugares Românticos que Já Fui

 

Para mim aquela foi, apesar de não ter tido a esticadinha pós pizza, uma noite romântica. Ela tinha todas as componentes para dar certo: ambiente gostoso, companhia gostosa, comida gostosa, vinho de ótima qualidade. E ele ainda conseguiu arrancar de mim uma coisa que poucos caras conseguem: ele pegou a conta na minha frente e pagou-a integralmente sem que eu nem mesmo visse quanto ficou. Quem conhece o meu lado feminista sabe o quanto esse tipo de coisa tende a me incomodar. Mas não sei se foi o vinho, ou se o ar estava de fato muito leve por causa da atmosfera Lugares Românticos por ali… Permiti que ele fizesse aquela delicadeza sob a promessa de que em nosso próximo encontro a conta seria minha.

Despedimos-nos no estacionamento, eu estava leve e feliz. Acho que ele também estava. Engraçado, não é assim que as pessoas ficam depois de uma noite de amor? Que coisa estranha! Gargalhadas também elevam níveis de endorfina! Naquela noite dormi feito um anjo, não obstante todos os problemas que eu andava tendo com insônia. Para quem não acredita que qualquer lugar é lugar, vejam só: neste dia, surpreendentemente o Verdemar foi o lugar mais romântico onde eu poderia estar. Por mais noites agradáveis como essa em lugares românticos inusitados como este!

Até a próxima!

Serviço:

Supermercado Verdemar Unidade Sion
Endereço: Av. Sra. do Carmo, 1900 – Sion – BH – MG
Tel.: (31) 2105-0101
Funcionamento: Segunda a Sábado das 7h às 22h domingos das 7h às 21h

http://

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *